• Demétrio Weber

Em Jundiaí, aulas ao ar livre


Mundo das Crianças, um dos locais com aulas ao ar livre. Foto: Prefeitura de Jundiaí/Divulgação.

Em meio ao debate sobre a retomada das aulas presenciais, compartilho um texto da prefeitura de Jundiaí (SP) que pode ser útil neste momento. O município fica a cerca de 60 quilômetros da capital paulista, e as aulas ao ar livre terão início na próxima segunda-feira (1º). Boa leitura!


* * *


Saem as divisórias de acrílico, entram em cena espaços abertos e de ventilação natural. A partir de segunda-feira (1), será este o cenário da volta às aulas presenciais para alunos de escolas da rede municipal de Jundiaí, cidade do interior de São Paulo. O processo chamado de ‘desemparedamento’, inédito no Brasil, entrará em prática com a proposta de assegurar um retorno seguro às crianças e aos educadores, ao mesmo tempo que fará a aprendizagem acontecer próximo à natureza.


As políticas públicas de Jundiaí voltadas para a infância são formatadas de modo intersetorial. No contexto da pandemia, não está sendo diferente. Para definir o modelo de retorno das aulas, autoridades de saúde, educadores e agentes de políticas públicas da Prefeitura, principalmente das áreas de Cultura, Esporte e Planejamento Urbano, se envolveram nas discussões.   

 

“Mesmo sabendo que a proliferação do coronavírus é muito menor em espaços abertos e ventilados, as iniciativas preveem grupos reduzidos nos locais, dois turnos de atividades escalonadas e cumprimento rígido de todos os protocolos sanitários”, garante o gestor de saúde, Tiago Texera.

Já no primeiro dia do retorno, a ‘sala de aula’ para um grupo de alunos será o Mundo das Crianças, área projetada ao lado da represa de Acumulação da cidade e com área verde de 250 mil metros quadrados, o mesmo que 25 campos de futebol. Some a isso, 1,5 mil mudas de plantas frutíferas, uma casa na árvore, um foguete de 10,5 metros de altura, quadras, estações molhadas, trilhas, paredes de escalada.


Com 36 anos de experiência como educadora da rede municipal de ensino e, hoje, à frente da Unidade de Gestão de Educação, Vastí Ferrari Marques avalia o impacto positivo de colocar as crianças em contato com a natureza para ampliar as experiências educativas. “Quando a criança está em um espaço mais prazeroso e lúdico, é certo de que todo o seu potencial se abre para a construção do conhecimento”, explica a gestora da Prefeitura.


“Com a aprovação dos técnicos da saúde, recebemos a missão do prefeito Luiz Fernando Machado, que é um entusiasta da infância, para materializar a proposta de inspirar práticas pedagógicas nos espaços públicos”, relata Vastí.  De acordo com ela, a natureza permite aprender sobre ciências, arte ou geografia, por exemplo.  

 

O planejamento de Jundiaí tem como referência o programa Criança e Natureza, elaborado, em 2020, pelo Instituto Alana, em parceria com diversas organizações. Antes da prática, foram oferecidas capacitações que abordaram desde a segurança para o deslocamento aos locais até protocolos sanitários, como uso de máscara, álcool em gel e distanciamento seguro, essenciais para a prevenção do coronavírus.

 

Caminho da escola


Complexos Esportivos, espaços culturais, bosques e praças também estão preparados para receber alunos e professores. O caminho da escola até os locais virou o projeto ‘Voa pé’. “Já neste momento as crianças poderão elaborar propostas de intervenção urbana para os trajetos”, conta o prefeito Luiz Fernando. “A tecnologia é importante, mas, neste momento, não podemos restringir o aprendizado a ela. Vamos além, convencidos de que a natureza colabora com uma infância mais criativa e saudável.”


O retorno presencial não é obrigatório nas escolas municipais. Em Jundiaí, as aulas serão oferecidas no formato híbrido (on-line e presenciais), com limite de até 35% de alunos em cada escola, duas horas e meia de permanência por dia e monitoramento diário dos índices epidemiológicos.


[Texto divulgado pela prefeitura de Jundiaí]

Receba nossas atualizações

  • Ícone do Facebook Branco
  • Ícone do Twitter Branco
  • Branca Ícone Instagram

© 2020 por Educa 2022. Os textos do portal Educa 2022 podem ser reproduzidos, desde que citada a fonte "Educa 2022".