• Demétrio Weber

Debate: educação para jovens do século 21



Como oferecer educação de qualidade para as atuais e futuras gerações?


Essa é uma pergunta que desafia educadores no Brasil e no mundo. Ainda mais quando se pensa nas infindáveis fontes de informação e entretenimento que competem com a escola e com a universidade para chamar a atenção dos estudantes.


Para debater o tema, o SESI e a Fundação Roberto Marinho/Canal Futura promovem um evento on-line com a participação de especialistas nacionais e estrangeiros.


Dá tempo de assistir gratuitamente às sessões desta quinta (12) e sexta-feira (13).


Transcrevo abaixo trechos da nota que recebi da assessora de comunicação da Fundação Roberto Marinho, Adriana Martins, com informações sobre o seminário, incluindo o link da transmissão no YouTube.


* * *


"A escola de qualidade para jovens do século 21, que forme cidadãos críticos e profissionais bem preparados, deve estimular o envolvimento ativo dos alunos com experiências da vida real, por meio da solução de problemas, da investigação, da descoberta e da inovação.

Essas e outras questões, como a capacitação de professores para as novo ambiente educacional, são temas do 2º Seminário Internacional SESI de Educação - Educação para o Tempo Presente.

O evento online, entre 9 e 13 de novembro, é promovido pelo Serviço Social da Indústria (SESI) e pela Fundação Roberto Marinho/Canal Futura.

Com a participação de especialistas nacionais e internacionais, serão cinco dias de debates, sempre das 17h às 19h, no YouTube do SESI.

'A velocidade do progresso científico-tecnológico e da transformação dos processos de produção torna o conhecimento rapidamente superado, exigindo-se uma atualização contínua e colocando novas exigências para a formação do profissional e do cidadão', avalia o diretor-superintendente do SESI, Rafael Lucchesi. 'A educação para os jovens do século 21 precisa responder a esses desafios, levando em conta as necessidades de desenvolvimento humano e a preparação para o mundo do trabalho.'"

Programação

"A qualidade do gasto na gestão escolar e a importância dos resultados das pesquisas e avaliações externas na tomada de decisão serão aspectos debatidos pelo chefe de Educação do Unicef no Brasil, Ítalo Dutra, e pelo professor do Insper e professor associado da FEA-USP Naercio Menezes Filho. Eles participam, na quinta-feira, do painel 'Gestão escolar com foco em resultados: efeito escola', que também tem a participação do secretário de Educação de Pernambuco, Fred Amâncio.

Na sexta-feira, o diretor-superintendente do SESI Nacional, Rafael Lucchesi, e a presidente do Conselho Nacional de Educação (CNE), Maria Helena Guimarães de Castro, analisam os desafios para implantação da aprendizagem por competências e habilidades e áreas de conhecimento no painel 'Novo ensino médio na prática: do texto da lei ao chão da escola'.

Quinta-feira (12/11):

Painel: Gestão escolar com foco em resultados: efeito escola

- Naércio Menezes, professor do Insper e professor associado da FEA-USP

- Ítalo Dutra, chefe de Educação do Unicef no Brasil

- Fred Amâncio, secretário de Educação de Pernambuco

- Paulo Mól, diretor de Operações do SESI

Sexta-feira (13/11):

Painel: Novo ensino médio na prática: do texto da lei ao chão da escola

- Rafael Lucchesi, diretor-superintendente do SESI

- Maria Helena Guimarães Castro, presidente do Conselho Nacional de Educação (CNE)

- Priscila Carneiro, diretora de Educação SESI e SENAI - ES

- Aldineide Queiroz, Gestora da Escola Técnica Estadual Cícero Dias - NAVE Recife"

Receba nossas atualizações

  • Ícone do Facebook Branco
  • Ícone do Twitter Branco
  • Branca Ícone Instagram

© 2021 por Educa 2022. Os textos do portal Educa 2022 podem ser reproduzidos, desde que citada a fonte "Educa 2022".